4/09/2013

OUTEIRO - 120 ANOS




AROUT comemora avanços no aniversário de 120 anos da ilha de Caratateua
  A ilha de Caratateua, mais conhecida como Outeiro, completa 120 anos de história no próximo domingo, 14. Distante 25 km do centro urbano de Belém, e uma população de 70 mil habitantes, distribuídos em seis bairros (São João do Outeiro , Itaiteua, Brasília, Água Boa, Fama, e Fidélis ),a ilha possui seis praias (Brasília, Prainha, Artistas, Grande, Amor, Ponta do Barro Branco e da Água Boa) e é o balneário mais próximo de Belém.

A Administradora Regional do Outeiro, Waldenize Braga, há pouco mais de um mês no cargo investe nas parcerias em benefício da comunidade. Reuniões,pavimentação de ruas e cursos, são os primeiros resultados desse trabalho.“Estamos tentando melhorar a nossa ilha, que ficou abandonada vários anos.A intenção é trazer turistas para incentivar a economia e transformar Outeiro”, declara Waldenize.
Uma das primeiras iniciativas da Administração Regional foi solucionar problemas antigos, como o aterramento e limpeza do bairro do Fama, um dos mais populosos da ilha, além de levar iluminação pública para distrito, principalmente para o Bairro Fidelis.
Outra reivindicação dos moradores era a manutenção da ponte que, depois de anos está sendo pavimentada, além do trabalho de fiscalização e limpeza da ilha, tudo em parceria com as Secretarias Municipais de Saneamento e de Urbanismo.
Outras parcerias da Arout envolveram órgãos do Governo do Estado, como a Polícia Militar que cedeu a área do antigo prédio do Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (CFAP) para a criação de um centro de esporte e lazer para crianças da ilha. Já com a Polícia Civil, a AROUT busca efetivar a delegacia 24h em Outeiro, trazendo mais segurança e conforto para a população.
A parceria com a Secretaria Estadual de Educação também trouxe muitos projetos de longo prazo para a ilha, entre eles a reforma da escola Estadual da Brasília, a criação de uma escola técnica profissional no mesmo bairro e a construção de uma escola no Bairro Fidelis.
A Secretaria de Pesca e Aquicultura (SEPAG) também firmou parceria com a Arout e irá iniciar um projeto para beneficiar pescadores de peixe e camarão, dando auxílio na estocagem do produto, na centralização da venda da mercadoria e na capacitação do pescador, beneficiando cerca de 200 famílias. Para Waldenize Braga, essa parceria entre Prefeitura e Governo do Estado é fundamental para a gestão. “Essa integração importante para melhorar a condição de vida dos moradores de Outeiro e outras ilhas”, avalia a Administradora.
O diálogo aberto com associações de classes de Outeiro, que esperavam essa parceria com o poder público há muito tempo também é uma marca da nova administração. Categorias como a de mototaxistas e os representantes das agremiações carnavalescas do distrito,barraqueiros das praias da ilha,bem como diretores das escolas estaduais, municipais e particulares de Outeiro já apresentaram suas necessidades e discutiram soluções com a administração regional.
A ilha de Cotijuba que faz parte da AROUT também passa por uma reformulação. Várias visitas à comunidade para conhecer as demandas da população foram realizadas, além de ações para o reordenamento de comerciantes e ambulantes da ilha, visando o turismo em Cotijuba.

_______________

Victor Miranda

Nenhum comentário: