12/28/2006

Manfredo reclama providências da Sesan para a Perimetral


O hidrogeólogo Manfredo Ximenes Ponte, superintendente regional da CPRM-Pará, declarou ao Diário do Pará que a Secretaria Municipal de Saneamento age estranhamente na manutenção da Avenida Perimetral, no trecho entre Enéas Pinheiro e Estrada da Ceasa.
Segundo ele, “a Sesan iniciou há seis meses a recuperação de um acostamento de veículo. Primeiro jogou material argiloso, depois de meses colocou sobre ele asfalto. Faz mais de um mês que não retornou para concluir o serviço. Além de buracos no restante do acostamento produzido pelos carros, é comum a área ser utilizada para depósito de lixo e entulho”.
Na área, continua Ximenes, existem dois órgãos federais e por ali circulam mais ou menos 500 empregados dessas repartições todo dia. “Em dias de chuva os pedestres têm que utilizar-se de botas para a travessia. Vários contatos telefônicos e correspondências já foram enviados à Sesan e à Seurb, mas até agora nada. O secretário da Sesan não atende ao telefone, mesmo que os dirigentes dos órgãos se apresentem como tal”, queixa-se.
Eu trabalhei quase oito anos com Manfredo Ximenes. É um cara sério. Se ele está chiando é porque a coisa está feia.

Nenhum comentário: