2/17/2012

LUIZ SOLANO – Repórter do Planalto


MINISTRA ABORTISTA



A nova ministra da Secretaria de Políticas para as Mulheres Eleonora Menicucci, revelou em depoimento a uma pesquisadora de Ciências Sociais que fez um "curso de aborto" na Colômbia após fundar, em 1995, a entidade Coletivo Feminista Sexualidade e Saúde. A entrevista feita em 2004 e trazida a público, deve alimentar as pressões de integrantes da bancada evangélica no Congresso Nacional pela demissão da ministra.
Setores religiosos vinham atacando Eleonora nos últimos dias e aqui divulgada, por causa de sua posição a favor de descriminalização da prática do aborto.
Na conversa de oito anos atrás, Eleonora Menicucci contou ainda que se submeteu a seu segundo aborto, em 1970, por decisão tomada em conjunto com a organização clandestina na qual militava, o Partido Operário Comunista, um dos grupos de esquerda que participaram da luta armada durante o regime militar. No depoimento, a ministra afirma que foi para a Colômbia apreender a fazer aborto pelo método AMIU -Aspiração Manual Intrauterina.
Segundo ela, a entidade feminista da qual participava tinha como objetivo que as mulheres se "auto capacitassem" para "lidar com o aborto" mesmo que não tivessem conhecimentos de medicina. O curso de "auto capacitação" foi feito quando Eleonora já havia se submetido a dois abortos feitos por médicos de esquerdas.
Presa política nos anos 70, fez o exame pré natal, porém não sabia quem era o pai da criança, pois fez sexo com diversos homens. O depoimento também traz relatos da vida sexual da nova ministra durante a época em que viveu na clandestinidade. Ela revela, por exemplo, que as mulheres do grupo guerrilheiro só podiam fazer sexo com pessoas da própria organização, por questão de segurança e que fez sexo com outras mulheres, e que segundo ela gostou muito, tendo inclusive recomendado e orientado a filha que fizesse o mesmo.
Pelo que pude apurar, foi convocada pela presidente Dilma, para esse posto e começar um trabalho junto ao Congresso Nacional, para que o aborto seja legalizado no Brasil.


ENGANA QUE EU GOSTO

A presidente Dilma Rousseff garantiu que o governo não se envolverá na campanha eleitoral deste ano e que ela também não deve participar diretamente. Em reunião com o Conselho Político, formado por líderes dos 14 partidos que sustentam o Palácio do Planalto no Congresso Nacional, Dilma também prometeu impedir que a máquina pública seja utilizada. Ela informou que não vai permitir que usem o governo para beneficiar A,B ou C e diante dos aliados ela avaliou o primeiro ano do seu governo como “excepcional" e insistiu que todas as conquistas só foram possíveis em razão da unidade partidária.
Parece que a presidente Dilma, esqueceu que o ex-presidente Lula, transformou o Palácio da Alvorada, em comitê do PT e dos partidos aliados.
Vocês acham que ela não vai se envolver na campanha? Pensa que o povo brasileiro é burro e não enxerga o atual sistema político brasileiro.


HOSPITAIS EM CRISE

Quem cria felino precisa saber:ele cresce e ataca o dono. Autoridade morre por falta de atendimento em hospital particular, porque seu plano de saúde não era aceito naquela instituição e a polícia investiga para punir os culpados.
Por que não procurou hospital público?
Certamente sabia que lá os pobres vivem morrendo por falta de atendimento e não há investigação para encontrar culpados, para punirem. Creio que, as vezes, a Justiça divina se manifesta na terra, para mostrar que numa urna funerária acaba toda riqueza, todo o poder, toda intelectualidade, e passamos a depender da misericórdia de Deus, conforme a justiça que praticamos.


ONTEM PODIA...HOJE NÃO

Lastimo que a presidente Dilma só tenha dito, há pouco dias, que a "greve a armada não é considerada pelo governo um caminho legítimo de reinvindicações". Lamento que somente agora tenha dito ser "contra a anistia para policiais que cometeram crimes durante a paralização" e aditado: "Se você anistiar vira um país sem regra".
Lastimo que ela não pensasse assim quando liderava a luta armada, que resultou no assassinato de 123 pessoas civis e militares, nacionais e estrangeiros, que não estavam armados, nem em guerra.
Lastimo que ela em vez de fazer oposição legal, legítima, brava, patriótica e fraterna como fizeram os integrantes do MDB, homens da maior envergadura moral e intelectual, como Tancredo Neves, Ulisses Guimarães, Jarbas Vasconcelos e Roberto Freire, tenha optado pela oposição violenta, covarde e desumana do terrorismo.


ESTE É O BRASIL POLÍTICO


Fica difícil saber se estamos vivendo numa democracia plena.
Neste ano eleitoral de 2012 os nomes para ocupantes dos futuros cargos eletivos, tanto proporcionais como majoritários, estão sendo colocados na mesa de negócios, apenas para uma meia dúzia de figuras conhecidas no trânsito dos gabinetes dos governadores e prefeitos e suas respectivas casas legislativas.
Pratica-se a política de curriolas, o povo só é consultado para aplicar os seus votos nesse ou naquele candidato indicado pelos chefetes políticos. E, assim, a roda fortuna eleitoral bafeja apenas os privilegiados dos amigos de sempre e, não aqueles bem preparados para assumir cargos tão importantes na conduta da coisas públicas.
Se fosse dada uma chance aos eleitores de escolherem os candidatos e, não, apenas votarem nos enfiados de goela abaixo, tudo seria diferente, para melhor.
Qualquer cidadão conhece e confia em, pelo menos, vinte brasileiros gabaritados para cumprirem um mandato eletivo com absoluta competência, dai porque, sou a favor do voto distrital, pois o candidato fica mais perto do eleitor e o eleitor mais perto do candidato, podendo dele cobrar as promessas de campanha.


NÓS PAGAMOS OS TRIBUTOS

Aos brasileiros não é dado o direito de progredir na vida e ter qualquer ou patrimônio, adquiridos honestamente. Se tem um imóvel é IPTU, que em algumas localidades é um assalto, principalmente em Brasília; taxa de iluminação pública etc..etc...Se tem uma veículo é IPVA em cálculos, sobrevalorizados, taxa de licenciamento, Seguro Obrigatório (que é um imposto) mesmo que tenhamos o seguro total.. e agora a inspeção veicular.
Os criadores são os mesmos do kit socorro e tantas aberrações que só servem para enriquecer alguns em detrimento de milhões. Esses órgãos são covis de lobistas e só servem para recolher fundos de campanha.
É um escândalo que o Ministério Público se omite.
Tem sentido fazer inspeção veicular em veículos novos ou seminovos ? Existe justificativa em cobrar o imposto do seguro aos que já tem seguro total de veículos ? A solução é invadir áreas, fazer gatos de luz, água e TV a cabo e ainda ganhar mil bolsas dos governos.
Isto tudo sem trabalhar.
E quem paga a conta ? Nós, otários, que vivemos honestamente e somos vítimas do maior assalto de impostos do planeta


EM CALDAS NOVAS

Vou passar em companhia de minha esposa e sogros, o carnaval na cidade de Caldas Novas, uma das cidades mais procuradas pelos turistas brasileiros e do exterior. Ivan Pires, que é Secretário de Turismo dessa importante cidade goiana, promete um carnaval alegre e com muita paz, e para tanto, montou um grande esquema de policiamento e atrações para os quatro dias de festa.
É pena, que o Governo Federal, se volte para os grandes centros turísticos, como Salvador, Rio de Janeiro e São Paulo e esquece esse potencial que é a cidade de Caldas Novas, que tem uma boa infraestrutura hoteleira, de transportes aéreo e rodoviário.


LEI MARIA DA PENHA

O Supremo Tribunal Federal sentiu o desejo legítimo do "homem de esquina", ou seja, os ministros acharam que a opinião pública está com a razão no caso da Lei Maria da Penha, e garantiu ao Ministério Público, o poder de iniciar processo mesmo que as vitimas retirem a queixa na polícia ou se neguem a representar na Justiça contra os agressores.
Segundo o Procurador-Geral da República, Roberto Gurgel, em 90% dos casos a queixa era retirada. Na relação entre o homem e a mulher, sem dúvida nenhuma a parte mais vulnerável é a mulher, quando tem a desgraça de gostar e se juntar com um homem de mente doentia. Ela sofre todo o tipo de agressão, seja física, moral ou financeira.
As palavras proferidas pela ministra Carmem Lúcia, dão a verdadeira dimensão do assunto: "Alguém acha que uma ministra deste tribunal não sofre preconceito? Mentira. Sofre. E sofre mais que eu, mas sofre. Há os que acham que não é lugar de mulher". Os covardes espancadores de mulheres acham que lugar de mulher é somente como empregada da casa, na cozinha, na cama, tomando conta dos filhos etc..
Parabéns ao Supremo Tribunal Federal como um todo, e em particular a ministra Carmem Lúcia pelas palavras sinceras e emocionantes que fez no plenário do Supremo, ao sentir e compreender o sofrimento de um grande número de mulheres.


DISCIPLINA NA CASERNA

Os dois pilares fundamentais da carreira militar são a hierarquia e a disciplina. A hierarquia é o grau de autoridade. No caso das Policiais Militares,começa com o soldado e vai até ao coronel. Os oficiais ocupam os postos,as praças ocupam as graduações. A disciplina está ligada ao procedimento do militar.
Aldemyr Feio, que já foi escoteiro nos idos de 1950 sabe muito bem do que ocorre em um acampamento.
E é assim no quartel da Polícia Militar. Se ele anda em retidão, tem benefícios, se comete indisciplina, sofrerá sanções que trarão prejuízos à sua vida profissional. Todos estão sujeitos ao Regulamento Disciplinar.
Na Constituição Federal, o Artigo 142,Inciso IV diz:" Ao militar são proibidas a sindicalização e a greve". É evidente que essa recomendação consta também dos Regulamentos Disciplinares das Policias Militares.
A vida nos mostra que, numa família com vários filhos, quando um erra e os responsáveis pela sua educação deixam correr frouxo, os resultados serão catastróficos. Numa corporação militar também é assim. Quando não se punem transgressores, abre brecha para o desrespeito e, em consequência, a vaca vai pro brejo.

ABAETETUBA VAI BEM


Recebi esta semana em minha casa aqui em Brasília, um casal de primos, de Abaetetuba, que me disseram que a cidade continua linda e hospitaleira, apesar dos problemas que estão ocorrendo, como a violência que ocorre principalmente nos bairros mais pobre do município.
Apesar das dificuldades, segundo esse casal de parentes, a prefeita Francineti Carvalho, vai tocando o barco, levando asfalto pelas ruas e avenidas da cidade, recuperando escolas, fazendo um grande trabalho social, sem deixar de lado uma assistência maior nos locais onde a pobreza é maior.
Por sinal, a prefeita Francineti Carvalho, é filha do ex-prefeito Chico Narrina, um dos maiores administradores de Abaetetuba, e que deixou saudades pela sua competência e pela grande estima que tinha da população e vice-versa da "Pérola do Tocantins".
Aliás, esse casal trouxe de Abaetetuba, o gostoso pirarucú, que é o nosso bacalhau brasileiro e será degustado muito breve, com o delicioso açaí do Rio Guajarazinho, onde eu nasci e me criei até aos oito anos de idade, e depois dessa idade fui morar em Belém.

Nenhum comentário: