4/18/2009

Funtelpa inaugura mais duas retransmissoras no Acará e Baião


As inaugurações acontecem simultaneamente com a presença de diretores, técnicos e convidados
A TV Cultura do Pará inaugura mais duas retransmissoras neste final de semana nos municípios de Acará e Baião. Neste sábado18, a população de Acará, localizado na Mesorregião Nordeste Paraense vai poder acompanhar a programação da TV Cultura pelo canal 9, enquanto os moradores de Baião localizado na mesma mesoregião, vão acompanhar a programação pelo canal 8.As inaugurações acontecem simultaneamente às 10h, com a presença de diretores, técnicos, convidados e da presidente da Fundação Paraense de radiodifusão, Regina Lima. Com mais essa duas inaugurações a Fundação contabiliza 36 retransmissoras. Até o final do ano, a meta é chegar a 80 localidades.
Os moradores dessas duas cidades já vão poder acompanhar a partida do Campeonato Paraense de Futebol entre Clube do Remo e São Raimundo, neste domingo (19), às 16h, no Mangueirão, que será transmitida ao vivo pela Rede Cultura de Comunicação, além de programas como o Sem Censura Pará, Jornal Cultura 1ª e 2ª Edição, Cultura Paidégua, Catalendas, além de outros programas da rede da TV Cultura.
Uma equipe de reportagem da TV Cultura do Pará está acompanhando as inaugurações e vai mostrar a história e os atrativos turisticos dos dois municípios nos programas jornalísticos da emissora.
História - O surgimento do município de Acará remonta ao período histórico em que os colonizadores portugueses realizavam a exploração do território paraense em direção ao interior do Estado do Grão Pará e Maranhão, utilizando como via de penetração o próprio curso dos rios.
Foi assim que, ao percorrerem o rio Acará, os portugueses puderam observar a facilidade da navegação naquelas águas, bem como, já em terra, constataram a sua fertilidade e a abundância de madeiras de lei.
Atraídos por todas essas condições favoráveis, os colonizadores decidiram se instalar no local, onde foi montado um núcleo de colonização que, mais tarde, tornou-se a sede do município de Acará.
Já o município de Baião originou-se de um povoado fundado em 1694.O governador e capitão-general do Estado do Maranhão e do Grão-Pará, Antônio de Albuquerque Coelho de Carvalho, reconhecido como donatário da Capitania do Camutá, entregrou como doação ao português Antônio Baião uma vasta Sesmaria, com a condição de que fundasse um povoado.
Impôs a Baião, a condição de que tal povoado deveria localizar-se à margem do rio Tocantins e que ele construísse uma casa grande e decente. Antônio Baião aceitou a oferta e cumpriu o compromisso pactuado, fundando o povoado, longe de Camutá, convertendo-o em sede da Sesmaria.

________________
Ronaldo Quadros
do Portal Cultura

Nenhum comentário: