1/14/2007

Entregue a Praça "Professor Jorge Lopes Raposo"

Foto: Nélson Jr




Com o descerramento da placa inaugural pelo agente distrital José Croelhas – que representou o prefeito Duciomar Costa – pela professora Marilene Moreira Raposo, viúva do homenageado e pela senhora Rosa Rabelo, representante dos moradores do Conjunto “Lopo de Castro” – foi inaugurada neste domingo, pela manhã, a Praça “Professor Jorge Lopes Raposo”, como parte das comemorações pelos 391 anos de Belém.
Localizada na Travessa Itaboraí, entre a Rua 15 de agosto e a antiga Estação Ferroviária, o novo logradouro foi construído pela Prefeitura de Belém, através da Agência Distrital de Icoaraci, em parceria com os moradores do conjunto. A praça tem 1.500 metros quadrados, equipada com uma vasta área de recreação que inclui play ground, balanço triplo, carrossel, gangorra, cinco postes de iluminação, bancos, lixeiras, além de projeto paisagístico desenvolvido por técnicos da Secretaria Municipal de Meio Ambiente.A cerimônia de inauguração contou com a participação de lideranças comunitárias e as 150 famílias do Conjunto “Lopo de Castro”, oferecendo ainda várias oficinas do Programa Ama Belém com atividades para crianças, jovens e adultos que puderam aprender grafitagem em camisas, arranjos florais e fotografia. O programa também ofereceu corte de cabelo grátis.
Significado - Após o descerramento da placa inaugural, coube ao Professor Gildo Leal Raiol, Diretor do Colégio “Avertano Rocha”, falar sobre o significado da homenagem ao educador Jorge Lopes Raposo, “um exemplo de dedicação e amor por Icoaraci”.
Em nome da comunidade, a estudante Karina Rabelo disse que, sempre para as boas causas existem os lúcidos, os sensíveis, e as atitudes colaborativas e que a urbanização daquela área tão sinistra finalmente foi realizada por acreditarem na atual administração municipal. “Um novo horizonte passa a fazer parte do nosso cotidiano porque acreditamos e persistimos no sonho.
Com o apoio de nosso prefeito e de nosso agente, a praça é de todos, seja como espaço de lazer e entretenimento, um espaço a ser preservado, cuidado e respeitado” – afirmou Karina.
No final os moradores cantaram parabéns pra Belém e serviram um bolo de dois metros, consumido pelos presentes.
Abandonada – A área onde foi construída a Praça “Professor Jorge Raposo” fica no coração do Distrito. Estava abandonada, com muito mato e ratos, onde desocupados a utilizavam para consumir drogas e praticar vandalismo servindo até mesmo como mictório e depósito de lixo. Os moradores, então, propuseram à Agência Distrital que no local fosse construída uma praça.
O agente distrital José Croelhas achou a idéia simpática e propôs a reivindicação ao prefeito Duciomar Costa. Uma vez autorizada a obra, os trabalhos de capinação, limpeza, construção de bancos, arborização e iluminação começaram em junho de 2006, sob a coordenação do engenheiro Ronaldo Gamelas, responsável pelo setor de obras da Agência Distrital e autor do projeto.
O novo logradouro homenageia o professor Jorge Lopes Raposo, antigo diretor do Colégio Estadual Avertano Rocha, falecido no dia 9 de setembro de 1999, dois dias antes de completar 60 anos e que morava em frente à praça.
Homem de Bem - O professor Gildo Leal Rayol atual diretor da Escola Estadual de Ensino Meio “Avertano Rocha” fez um retrato sucinto da personalidade do homenageado. Disse que “a sua presença em nosso meio contribuiu em grande escala para o desenvolvimento educacional da Vila Sorriso. Hoje, graças a Duciomar Costa e a José Coelhas, Jorge Raposo pelos seus méritos recebe mais essa homenagem, talvez a mais significativa, pois já tem quadra de esportes e escola e agora praça com o seu nome. E o que mais importante: em frente à casa que morou por 23 anos”.
E prosseguiu: “O merecimento não é por ter sido um atleta de basquetebol dos mais admiráveis. Homem íntegro, um excelente chefe de família, mas pela sua dedicação na formação educacional e intelectual de muitos jovens de Icoaraci, inclusive eu. Toda sua vida, todos 59 anos que esteve entre nós foi dedicada, repito, com orgulho de ex-aluno em prol da Educação (...). O Colégio “Avertano Rocha” foi o seu berço, sua juventude, sua maturidade; poderia ter sido também sua velhice, mas foi injustiçado ao ser demitido da direção por causa de uma greve de professores pelo então governador Hélio Gueiros, isso o abalou profundamente. Mas hoje foi feita a justiça. O seu nome será perpetuado para todo o sempre” – disse Gildo Rayol.
Compromisso - Em seu pronunciamento o Agente Distrital José Croelhas destacou o papel das parcerias com a comunidade, agradecendo a paciência daqueles que acreditaram que com união todos os problemas podem ser enfrentados: “Espero que o exemplo de compromisso com a cidade que vocês, aqui de “Lopo”, estão dando possa frutificar em toda a Belém, que caminha para os 400 anos, e conta com a dedicação de cada um”.
Croelhas agradeceu ao prefeito Duciomar Costa o carinho que tem destinado a Icoaraci, aproveitando para informar que outros grandes projetos, como a reconstrução da Praça da Matriz, a conclusão da orla e a macrodrenagem do Paracuri começam a sair do papel nos próximos meses.

3 comentários:

Anônimo disse...

Foi uma praça muito perereca.Icoaraci merecia mais.

Anônimo disse...

O espirito do professor Joge deve ter se virado no túmulo nessa inauguração,Sua memoria merece muito mais que isso.

Anônimo disse...

bom trabalho AVERTANO ROCHA