1/09/2013

LUIZ SOLANO – Repórter do Planalto





JOGANDO PARA A PLATÉIA



O ministro do Supremo Tribunal Federal Marco Aurélio Melo, classificou como um "arroubo de retórica" a declaração do Deputado Henrique Eduardo Alves, favorito para comandar a Câmara dos Deputados, a partir de fevereiro, de que, se eleito, não cumprirá a decisão da Corte sobre a perda automática do mandato dos deputados condenados no julgamento do mensalão.
Marco Aurélio, avalia que o tribunal deve dar um "desconto" ao candidato à presidência da Câmara. “Temos que dar um desconto, pois ele está numa caminhada política e diz isso para agradar a Casa. Uma coisa é a voz política de um candidato, a outra é a voz ponderada de um presidente da Câmara dos Deputados". Marco Aurélio, disse que só espera que prevaleça a voz ponderada.
A verdade, é que  Henrique Eduardo Alves, é um politico com mais de dez mandatos  se agir de outra forma, com certeza vai perder votos dentro do PT; partido que tem hoje cerca de 80 parlamentares e mais alguns da base do governo e a sua eleição para a presidência da Câmara irá para o brejo.
Joga para a platéia, pois vai sim, cumprir a decisão do Supremo Tribunal; isto é, depois de  eleito presidente.

A PIABINHA E O TUBARÃO
A vereadora Ana Maria Branco de Holeben, de Ponta Grossa, no Paraná, presa sob suspeita de simular o próprio sequestro, corre o risco de ser expulsa do PT caso não peça afastamento.
Segundo informações obtidas por este repórter, o PT de Ponta Grossa, decidiu que irá ouvir a vereadora no Conselho de Ética e não descarta a expulsão da legenda. Já a Câmara Municipal fará uma reunião no início da próxima semana para definir que ação tomará a respeito.
O mais interessante nessa história, que o Deputado Federal José Genoíno, que foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal, pelo seu envolvimento no escândalo do mensalão, tomou posse na Câmara dos Deputados, com o apoio do Diretório Nacional, inclusive dando a ele, segurança que não será cassado nem pelo STF e nem pela Câmara dos Deputados.
Como podem ver, a piabinha, nesse caso a vereadora Ana Maria, vai amargar a perda do mandato, além de ser expulsa do PT, enquanto que o José Genoíno - o tubarão -,vai ficar os dois anos restantes como Deputado Federal.
É o fim da picada essa a atitude dos dirigentes maiores do Partidos dos Trabalhadores.
BRASÍLIA SEGURA?
O Governador do Distrito  Federal Agnelo Queiroz, diz para os quatro cantos de Brasília e até mesmo para fora desta redondeza, que o Distrito Federal é seguro e que a violência por aqui é pouca.
Recentemente, foi assaltado um Clube Social, próximo ao um posto policial; logo em seguida, roubaram outro posto policial de onde levaram um  computador e a televisão, pois os PMs estavam dando uma volta fazendo a ronda. Agora ,a esposa de um ex-delegado de polícia é assaltada em plena luz do dia.
A verdade é que Brasília se tornou a quarta cidade mais violenta do Brasil, mesmo aqui funcionando a sede do Governo Federal, do Congresso Nacional  e do Poder Judiciário.

INVASÃO TEM CONIVÊNCIA ?

Ano Novo, contudo, a invasão da DF 330,Km 3.5, em terras da União Federal, encravada em Sobradinho-DF, protegida por uma alta funcionária do Governo Federal e por uma Deputada Federal, continua crescendo silenciosamente, mesmo diante das denúncias já carreadas ao MPF (Roberto Gurgel), MPDF (Eunice Carvalhido), Polícia Federal, Secretaria de Transparência (Higino), TCU (Benjamim Zymler), e, Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (Sandro Avelar) o qual tem sob sua subordinação a Delegacia do Meio Ambiente e a Sudesa (fusão dos antigos Siv-Solo e Siv-Água) quem erradica área pública invadida no quadrilátero do DF.
Ficam duas perguntas: por que  que a decisão de deferimento de reintegração de posse, do Processo 2012.06.1.012654-9, em trâmite em Sobradinho-DF não consegue andar junto a Sudesa, mandado judicial levado pelo Oficial de Justiça de nome Gustavo? E por que deixam a invasão crescer silenciosamente?
O pior é que os invasores usam covardemente os nomes do Governador Agnelo Queiroz e da Presidente Dilma. Ou tem conivência das autoridades ou estão deixando o barco correr solto.
É preciso que alguma coisa seja feita e com urgência, pois em breve teremos uma grande favela, que trará mais problemas para o Governo do Distrito Federal ou até mesmo para o Palácio do Planalto.
Não sou contra que se ofereçam terras para quem precisa, mas que seja feito dentro da lei e sem que haja a especulação imobiliária com muita gente ganhando dinheiro fácil às custas da União.

CONDENADO ASSUME MANDATO

O ex-guerrilheiro, José Genoíno, tomou posse como Deputado Federal, mesmo tendo sido condenado pelo Supremo Tribunal Federal. Uma vergonha para a sociedade brasileira, pois José Genoíno, leva de cara a porcaria da imunidade parlamentar que lhe garante inclusive, um passaporte diplomático, mordomias da Câmara, do Congresso Nacional e mais R$ 139 mil reais como ajuda de custo no início do mandato. 
José Genoíno, me disse uma vez na Câmara dos Deputados que nunca gostou de militar; mesmo assim foi convidado por Celso Amorim, para assumir uma alta função no Ministério da Defesa.
O Brasil precisa ficar atento para essas manobras políticas.


Nenhum comentário: