12/20/2008

Vera Braga


Basta!!!

Ainda chocada pelo assassinato do Salvador Nahmias resolví que não posso mais conviver com a sensação de impotência que tanto mal nos faz. Ainda sem saber o que e como fazer resolví passar este email para que juntos pensemos em ações eficazes para dizermos BASTA! Chega! Chega de tanta insegurança. Quantos amigos, cidadãos de bem, pais e mães de família perdemos este ano fruto da violência que tomou conta da nossa cidade? Quantas mães estão chorando a perda de seus filhos?
Estamos vivendo em nossa cidade um estado de sítio. Estamos sitiados, encurralados pela violência em um Estado sem Governo.Estamos cerceados em nossa liberdade constitucional de ir e vir. Nossa geração já enfrentou muitas crises econômicas, mas trabalhamos muito para propiciar uma boa qualidade de vida para nossos filhos, conseguimos oferecer a eles a possibilidade de frequentar um bom clube, ter uma vida cultural,etc, mas não queremos que eles saiam de casa para usufruir pois temos medo que não voltem com vida. Hoje não existe mais horário nem lugar de risco. Há dias atrás o filho de um casal amigo sofreu um sequestro relampago na saída da Assembléia paraense às nove e meia da noite e ficou horas refem de bandidos circulando pela periferia da cidade ameaçado por uma arma. Outro casal amigo em plena Conselheiro Furtado, às nove horas da noite foram apanhar uma amiga em casa e na porta do prédio foram ameaçados por 3 bandidos armados que tentaram, graças a Deus sem sucesso, levá-los junto com a carro.
Eu sei, e todos sabemos que os problemas sociais deste País e deste Estado são enormes. Todos nós nos sensibilizamos por isso e todos com certeza fazemos alguma coisa para tentar minorar esta situação. Mas tenho clareza de que não somos responsáveis pelo desemprego, pela miséria, pela fome e pela violência.
Todos os dias saímos para trabalhar para poder sustentar nossa família e apesar de entregarmos o correspondente à 4 meses e meio de trabalho para o imposto de renda, com o que nos resta ainda temos de pagar em duplicidade escola e plano de saúde para nós e nossos filhos porque o serviço oferecido pelo Estado e custeado com nosso dinheiro não oferece a menor condição. Hoje, nós da classe média já nem esperamos usufruir de boas escolas públicas para nossos filhos como acontece nos EUA e na Europa. Não queremos ser tutelados pelo Estado, mas o mínimo que precisamos é SEGURANÇA. Ninguém tem condição de viver se sentindo ameaçado o tempo todo, como temos nos sentido. Temos o direito de ir e vir com segurança e tranquilidade e de exigir que o Estado garanta essa segurança pois é dever dele.Para isso pagamos os impostos. Precisamos exigir que o Governo preste conta do dinheiro que entregamos a ele todos os meses.
Como tantas armas vão parar nas mãos dos bandidos. Por que o mesmo Governo que nos desarmou não consegue ou não quer desarmar os bandidos? E a grande maioria são menores de idade que na hora do assalto estão drogados e apavorados, totalmente sem condições de manter o controle e atiram mesmo que você não reaja.
O que eles tem a perder? Uma vida não vivida? Uma infância de abandono, violência e abusos?
Todas as vêzes que me defronto com uma situação como essa antes de sentir raiva desses seres marginalizados da sociedade sinto raiva daqueles que receberam todas as condições de se transformarem em cidadãos dignos pois tiveram oportunidade de estudar e geralmente se formaram em universidades públicas custeadas pelo nosso dinheiro, de exercer uma profissão, de assumir cargos públicos, mas na hora de retribuir à sociedade se corrompem e geralmente são pessoas que recebem os melhores salários.
Você acreditaria se na sua juventude lhe dissessem que quando adulto iria se defrontar com Juízes, pessoas responsáveis pela materialização da justiça, se corrompendo e vendendo sentenças? E o que dizer dos políticos? Lembro que quando jovem, Senador da República representava para mim uma pessoa extremamente culta, honesta, merecedora de meu respeito e admiração. Mas quais os senadores que nossos filhos conhecem? Os "mãos santas" da vida?
Quantas vidas mais terão que ser tiradas, quantas pessoas terão que ser brutalmente assassinadas para que o executivo, legislativo e judiciário reconheçam que a reforma do sistema judiciário é uma necessidade urgente? Que a impunidade precisa acabar, que o sistema penal precisa ser digno e investir na reabilitação dos presos?
O novo Secretario de Segurança, que parece ser uma pessoa bem preparada, não se sente na obrigação de falar para essa população apavorada e acuada quais as medidas que está tomando para garantir a nossa segurança?
Onde está o governo que não se mostra à sociedade para prestar contas do que não faz?
Minha sábia mãe tem razão quando diz que se todos os governantes (Governadores, Prefeitos, Secretários, etc) fossem obrigados a utilizar, bem como seus familiares, a rede pública de serviços (escolas públicas, hospitais e postos de sáude públicos ...) a realidade seria outra.
Nós não somos responsáveis pelo desemprego, pela existência de crianças sem escola, pelo caos da saúde pública, pela falta deegurança, pela impunidade ......
Responsáveis são os Governantes incompetentes, irresponsáveis, que usufurem do poder para satisfazer o seu ego.
Responsáveis são aqueles membros do legislativo, executivo e judiciário corruptos, que se utilizam do poder de seus cargos para benefício próprio.
Responsáveis são aqueles que desviam o nosso dinheiro que deveria chegar na forma de comida na mesa das crianças das escolas públicas que na maioria das vêzes só fazem aquela refeição.
Responsável é o Governo que não tem competência nem interesse em investir o nosso dinheiro na construção e manutenção de escolas em condições de formar cidadãos responsáveis.
Responsável é o Governo que paga salários degradantes aos professores, médicos e policiais, ao mesmo tempo que desvia ou permite que seja desviado um montante absurdo de recursos públicos pela via da corrupção.
Você concordaria em trabalhar para o governo como professor, médico ou policial sem que lhe fossem oferecidas as mínimas condições de trabalho e recebendo um salário degradante para funções tão importantes para uma sociedade? Você já esteve em um Hospital Público ou Pronto socorro para ver as condições de trabalho com as quais os profissionais da saúde tem que se submeter? Você já esteve em uma escola pública para conhecer como o Governo tem investido nosso dinheiro e que condições de estudar nossas crianças estão tendo? Você já esteve em uma delegacia de polícia para conhecer as condições de trabalho , os equipamentos disponibilizados, e os treinamentos oferecidos para seres humanos que arriscam suas vidas todos os dias para trabalhar?
Você acredita que a elite governamental brasileira não conhece o que deve ser feito e como deve ser feito? Não é uma questão de competência e sim de vontade política.
Será que confiamos tanto assim no Governo ou somos extremamente acomodaddos? Mas pode ser simplesmente porque não temos tempo disponível. Pois sabemos que mesmo após tantas horas de trabalho diário temos que voltar correndo para casa a fim de dar atenção, carinho, amor e educação para os nossos filhos para que amanhã êles não precisem de bolsa família, bolsa escola, bolsa saúde, FEBEM, e etc. Mas ao contrário, sejam capazes de transformar essa realidade.
Responsáveis são as pessoas que recebem altos salários para cuidar do sistema judiciário e propiciam com a corrupção e desinteresse este elevado nível de impunidade!
Responsáveis são os juízes corruptos que vendem sentenças!
Responsáveis são os políticos que eleitos por nós para legislar em favor da sociedade quando eleitos esquecem do seu compromisso e só legislam em causa própria e tentam se reeleger a qualquer custo pois vêem a legislatura como emprego e não como missão.
Responsáveis são aqueles Governadores, Secretários de Educação e Diretores das Escolas que não fazem o seu trabalho como deveriam fazer uma vêz que são pagos para isso!
Responsáveis são aqueles Governadores, Secretários de Saúde e funcionários das Secretarias de Saúde que ou desviam ou permitem que sejam desviados os recursos(o nosso dinheiro), que deveriam ser aplicados na compra de medicamento, pagamento de melhores salários e de equipamento para os hospitais.
Responsáveis são todas as pessoas que desempenhando funções públicas não as exercem com probidade, honestidade, integridade, moralidade, eficiência e eficácia.
Responsáveis são ...........(você pode completar)
Mas infelizmente somos responsáveis por uma coisa: por não exigirmos do Governo que nos preste conta da aplicação de nosso dinheiro. Por não participarmos desde o momento de definição das prioridades até o acompanhamento da efetiva aplicação dos recursos nas prioridades definidas bem como da eficácia da aplicação através da averiguação dos resultados.
Quando pagamos um profissional para prestar qualquer serviço para nós exigimos qualidade. Se o serviço não é prestado como contratado simplesmente não pagamos ou exigimos que seja refeito. É simples, o mesmo temos que fazer com o governo. É o tão propalado Controle Social.
Quero registrar que não podemos generalizar e que ainda existem homens e mulheres públicas, autoridades e políticos honestos, bem intencionados e bem preparados.Mas infelizmente hoje são minoria.
Termino esse "manifesto" como comecei. Sou simplesmente uma cidadã comum, servidora pública, esposa e mãe de 04 filhas que como todos vocês está sentindo medo e ao mesmo tempo não aguenta mais conviver com essa situação.
Que precisa ser capaz de dar esperanças para suas filhas de que podemos mudar essa realidade. Que apesar de já não ser mais jovem os ideais de juventude, esperança e força para lutar ainda estão vivos dentro de mim. E não duvidem do poder de uma mãe quando sente que seus filhos estão em perigo!
Precisamos fazer alguma coisa para reverter essa insegurança que tomou conta de nossa cidade.
Juntos e organizados vamos encontrar formas pacíficas mas firmes de cobrar do Governo do Estado segurança para nós e para nossos filhos.
Vamos retomar a nossa cidade das mãos da violência.Vamos resgatar o direito de poder andar pelas suas ruas à sombra das mangueiras apreciar seus casarões antigos, tomar um tacacá ou sorvete, sentar nos bancos de nossas praças tão bonitas,ver o sol se por na baía.
Que o assassinato do Salvador nos impulsione a despertar e a nos organizar para juntos lutarmos pelo retorno do estado de direito.
Quem vai responder por esta morte prematura e violenta de uma pessoa que dedicou sua vida a salvar vidas?
Vamos lembrar ao Governo que ele só existe por nós e para nós.

*******

Passem esta mensagem para todos os seus amigos, tenho certeza que várias ações resultarão desse esforço.

Nenhum comentário: