5/27/2009

A ”Diversidade” da Memória Paraense

Nathan Levy, Gilda Medeiros, Paulo Bordallo e Jacques Broder Cohen, na abertura da mostra

A exposição “Diversidade”, que marca a inauguração do novo Hotel Expresso XXI, reúne trabalhos pertencentes ao acervo de J.Porto (acrílico sobre tela, denominada Ver-a-Cidade que expressa a cidade concreta que percebe em Belém), Paulo Bordallo (poesia das imagens - fotografias que apresentam seu olhar sobre a Cidade das Mangueiras, Cidade Maravilhosa e portrait), Newton Bellesi (cor-essência, fotos sobre a natureza) e Nathan Levy (convite a uma viagem no tempo por meio de uma série de imagens de logomarcas a partir do século XIX).
Segundo o curador da mostra, o turismólogo Nathan Levy, “São quatro elementos, quatro sujeitos, quatro acervos, quatro visões do mundo, quatro universos paralelos, quatro identidades, quatro maneiras de ver, quatro formas de expressar. A idéia da exposição é mostrar um pouco do universo e da obra de cada artista que dela participa”, explica.
O talento dos expositores se uniu a um fator fundamental para um resultado satisfatório: o toque especial e a experiência de mais de 25 anos de Marta Freitas, profissional de designer contratada para fazer a leitura da exposição. “Com sua experiência já consagrada de vários "Arte Pará", Marta nos proporcionou um correto posicionamento das obras de cada acervo a ser exposto. Seu trabalho criterioso e profissional, resultou em uma leitura de fácil percepção aos visitantes desta mostra”, ressalta o curador.
Tudo isso, na opinião dos expositores, resultou no sucesso do evento, que por essa razão, foi prorrogado até o próximo sábado, 30.05.
A mostra, está exposta ao lado do Hotel Expresso XXI, no espaço onde funcionará a Pizza Hut, cedido pela empresa especialmente para essa finalidade. “O público respondeu de uma maneira pra lá de satisfatória, prestigiando e até retornando com outras pessoas para mostrar as obras”, fala Nathan.
O cuidado e carinho com que o evento foi minuciosamente preparado rendeu o interesse, além do público em geral, de vários colecionadores, como Jacques Broder Cohen, empresário paulista e um dos maiores colecionadores de carteiras de cigarro do país, cujo acervo já chega a 53.000 carteiras. “Ele veio de São Paulo especialmente para assistir ao evento”, garante Levy.
Durante a abertura, fizeram-se presentes familiares e personalidades ligadas à história do Centro de Memória da Indústria e do Comércio do Pará, como a ex-miss Pará Gilda Medeiros, que à época foi garota propaganda das carteiras de cigarro da fábrica Therezita. “Para nossa surpresa, o dia da abertura coincidiu com o aniversário da Gilda, e ela passou essa data ao nosso lado”, comemora o curador, confirmando a presença de Gilda para a festa de encerramento.

Centro de Memória da Indústria e do Comércio do Pará
A exposição “Diversidade” é a extensão de um projeto do Centro de Memória da Indústria e do Comércio do Pará, que retrata a história da economia do Pará, do final do século XIX ao início do século XX. Esta é 13ª exposição preparada pelo CMICPa., que retrata uma “época de ouro” do Estado, resgatando através de documentos e peças raríssimos, a história desse período econômico.
Para Nathan Levy, o idealizador e fundador do Centro de Memória, “a idéia é resgatar a história do nosso Estado no ciclo pós-borracha, já que nessa época, havia um expressivo parque industrial em Belém, com empresas que contribuíram significativamente para a economia paraense”, explica.

Programação de Encerramento
O encerramento da exposição Diversidade será em meio a uma extensa programação, a ser realizada durante o próximo sábado, 30.05, que inclui café da manhã (7 hs às 10 hs), coquetel (19 hs às 22hs), leilão das obras expostas e noite de autógrafos dos livros Noite de autógrafos dos livros “O verde no Vermelho” – cartuns ecológicos e “Cadê o verde que estava aqui”, de Ubiratan Porto; “Uma vida bucólica”, “Uma nova vida” e “Monte Alegre e Estórias (In) verídicas”, de Francisco Guerra e “No coração do povo – Monumento à República em Belém – 1891/1897”, do historiador Geraldo Mártires Coelho.
A mostra tem o apoio da Climep, Imperador das Máquinas, Grupo Solare, Expresso XXI, + Luz Iluminação e Projeto, Gianne Uchoa Paisagismo, Top Mídia Comunicação Visual, Jeanne Darwich, Pizza Hut, Woodesign e Computer Eletro e Informática.
Serviço

A exposição “Diversidade” fica no espaço da Pizza Hut, no Hotel Expresso XXI (Avenida Nazaré, esquina com Travessa Rui Barbosa) até o próximo dia 30.05.
Informações: 8101.6624 / 9633.2266 (Nathan Levy)

____________
Áurea Gomes

Nenhum comentário: